50-piores-200

As 50 piores novelas dos anos 2000 pra cá

Pensamos em muitas matérias para começar o Coisas de TV com tudo, então decidimos fazer um projeto bem ambicioso e difícil. Maratonar e fazer resumão do núcleo do Merlô em A Regra do Jogo? Claro que não! Pegamos a lista de todas as novelas que começaram depois do dia 1º de janeiro de 2000 até hoje para fazer a nossa antiaderente lista das PIORES NOVELAS nesse período de tempo. Foi difícil, heim? Como é de se imaginar, só entraram novelas que já tiveram o último capítulo exibido até o dia de hoje (07/03/2016), então tem trama aí que se salvou por pouco. Vamos lá ver quem ganhou na competição de ruindade?

50 – FINA ESTAMPA

50-fina-estampa

Do que se tratava: Era aquela novela da Lília Cabral Pereirão-Marido-de-Aluguel que ficou rica depois de jogar na megasena e travou grandes brigas com sua arqui-inimiga Teresa Cristina quando foi morar no condomínio da ricaça e começou a flertar com o marido dela. Teresa Cristina era também conhecida como Pitonisa de Tebas pelo Crô, cota de personagem gay estereotipado da trama.

Por que era ruim: Apesar do forte nível de humor involuntário (Griselda terminando a novela empenhando uma chave de grifo contra Teresa Cristina quem lembra?) a história em si não empolgava. Tanto é verdade que a novela é frequentemente lembrada como “aquela novela que tinha o Crô” e, bem, acho que não precisamos falar mais nada, né?

49 – MORDE & ASSOPRA

49-morde-e-assopra

Do que se tratava: Contava a história da Adriana Esteves atrás de dinossauros que encontra em seu caminho o pescador parrudo dono de uma fazenda onde ela precisa fazer escavações arqueológicas mas ele não deixa porque é homi do campo, mas mesmo assim eles se apaixonam. Apesar dessa ser a história central, ficou conhecida como “a novela da Flávia Alessandra robô”

Por que era ruim: Apesar de nos dar uma dor no coração dizer que uma novela em que a Flávia Alessandra era uma robô careca era ruim, temos que convir que em termos de história e desenvolvimento ela precisava de muito (muito mesmo) pra ser boa. Terminar a novela no centro da terra e ter que parar o desenvolvimento de um núcleo japonês malfeito no meio não é o melhor exemplo de uma grande trama.

48 – VIVER A VIDA

48-viver-a-vida

Do que se tratava: A Helenão da vez é a Taís Araújo, uma mulher fina, linda, sofisticada e louca de amores pelo macho alfa das tramas do Maneco, o José Mayer. Lá pelo capítulo 40 rola um grande acidente e a Luciana (Aline Moraes) fica tetraplégica, fazendo com que todo o público esquecesse da protagonista e ficasse torcendo para que Luciana comesse sopa ou então liberasse a mixaria para o Mateus Solano.

Por que era ruim: Considerada na época a completa decadência de Maneco na arte de conduzir uma novela, foi a primeira vez que a Helena foi tão rejeitada que perdeu o protagonismo da trama para outra personagem. Apenas por coincidência essa personagem era branca, nada tem a ver com o Brasil ser ainda um país racista em pleno século XXI.

47 – IMPÉRIO

47-imperio

Do que se tratava: Após se separar do amor de sua vida por conta dos artifícios de uma cunhada invejosa, José Alfredo encontra um diamante cor-de-rosa que lhe dá o poder ser virar um comendador poderosíssimo. Aí acontecem umas tretas envolvendo uma vilã que rejuvenesceu tomando xixi de jacaré, um vilão que na verdade era o próprio mordomo dentro de um pula-pula e um José Mayer gay que quase morreu quando o figurante Felipe lhe deu uma punhalada com um espeto de churrasco.

Por que era ruim: Aguinaldo Silva tinha a melhor das intenções com Império, o problema foi o meio. Por problemas com elenco e provavelmente no gerenciamento da equipe de 27 colaboradores, a novela ficou arrastadíssima e ele precisou inventar um vilão no meio da bagaça pra que conseguisse chegar até o fim. Temos memórias mais doces de Fina Estampa…

46 – A PADROEIRA

46-a-padroeira

Do que se tratava: Era de época e contava a história de Cecília (Deborah Secco) uma menina de coração bão que se apaixona por Valentim (Luigi Bariceli), mas o amor deles não podia ser porque eles eram de mundos diferentes e tinha uma história de uma mina de ourzzZzzzzzzZzzz

Por que era ruim: A trama foi tão complicada que tiveram que mudar um pouco a personalidade de Cecília de tanto que o público achava ela songamonga. Tipo de novela que você acabava cochilando no sofá enquanto via e acordava com os primeiros acordes da abertura do jornal regional.

45 – ESPLENDOR

45-esplendor

Do que se tratava: Belas paisagens do Rio Grande do Sul. Na verdade Letícia Spiller tinha um irmão malvado lá no Rio de Janeiro, mas ela mata ele e foge pro Rio Grande do Sul pra ver belas paisagens sem saber que carrega os dólares do irmão em sua mala. Ou seja, tem muita treta em meio a belas paisagens do Rio Grande do Sul.

Por que era ruim: Teve muita coisa pior no mundo? Teve muita coisa pior no mundo, mas convenhamos que você nunca ouviu alguém dizer “tenho que chegar em casa logo pra assistir Esplendor”, acho que isso resume o que achamos da novela.

44 – SABOR DA PAIXÃO

44-sabor-da-paixao

Do que se tratava: Outra novela da Letícia Spiller escrita pela Ana Maria Moretzon em que a Letícia Spiller vai pra Portugal lidar com uns negócios de herança depois da morte do pai e lá reencontra Alexandre (Luigi Baricelli), um moço com quem ela teve um trelele no Rio, mas que não queria nada com ela e aí os dois vivem um romance.

Por que era ruim: Porque a Globo não fez nem questão de reapresentar o último capítulo da novela no sábado de tão vergonheira que foi. Se nem a Globo achou boa, não somos nós que vamos achar, né?

43 – DESEJOS DE MULHER

43-desejos-de-muulher

Do que se tratava: Regina Duarte e Gloria Pires são irmãs que vivem brigando, até que se descobre que a mais nova não é filha legítima. A história então começa a mostrar crises familiares, problemas empresariais e várias outras coisas que nem eram tão legais assim.

Por que era ruim: “Nossa, mas essa sinopse parece até promissora, por que essa novela das nove não emplacou?”. Simples, porque era uma novela das sete, que deveria ser leve e pra cima. O autor até tentou dar uma arrumada no negócio colocando núcleo cômico, mas mirou na comédia e acertou em personagens gays estereotipados interpretados por José Wilker e Otávio Müller.

42 – ESTRELA GUIA

42-estrela-guia

Do que se tratava: Contava a história da Sandy riponga que morava numa comunidade alternativa mas depois acabava se envolvendo com o seu padrinho (???) que era ninguém mais ninguém menos que o Guilherme Fontes.

Por que era ruim: Porque tinha essa estranha relação de Sandy com o seu padrinho, porque o Rodrigo Santoro era vilão ao som de uma canção do Skank, porque eles cantavam mantras e porque gente: era uma novela da Sandy hippie, boa é que não ia ser.

41 – SETE PECADOS

41-sete-pecados

Do que se tratava: Beatriz é uma mulher riquíssima que se apaixonou por um taxista casado de coração bão. Como ela não aceitou o fora, decidiu fazer o que todos nós fazemos após uma rejeição: procurou uma sociedade secreta de bruxaria que prometia o homem amado se ela fizesse com que ele cometesse os sete pecados capitais, justificando assim o título da novela.

Por que era ruim: A ideia da novela até que era boa, mas o tio Carrasco não conseguiu manter o interesse por muito tempo. Talvez porque os protagonistas não tinham carisma ou porque era um grande deja-vu como qualquer outra novela do autor.

40 – AQUELE BEIJO

40-aquele-beijo

Do que se tratava: Era a história da Giovana Antonelli traída pelo namorado que encontrava um namorado português em uma viagem que só gente rica pode fazer depois de uma decepção amorosa.

Por que era ruim: Teve coisa pior (bastante coisa pior), mas era uma novela com narração em off, fiuk e casal principal um tanto sem graça. A novela só se salvava em alguns momentos porque: texto do Miguel Falabella sempre se salva em alguns momentos.

39 – TRÊS IRMÃS

39-tres-irmas

Do que se tratava: Contava a história de três irmãs, mas você não se lembra da história delas porque provavelmente não assistiu a essa novela.

Por que era ruim: Até hoje lembrada como um dos grandes flops do horário das sete, a novela simplesmente não engrenou e boatos dizem que o Calmon se inspirou naquela temporada de Malhação que tinha a Thayla Ayala pra criar a trama, e se foi mesmo: não tinha uma possibilidade de ter dado certo.

38 – VITÓRIA

38-vitoria

Do que se tratava: Artur sofreu um acidente quando era mais novo e ficou na cadeira de rodas. Como botava a culpa do acidente no pai e ninguém assistia às novelas da Record na época, ele criou um plano que chocaria qualquer pessoa da tradicional família brasileira: seduzir a própria meia-irmã para fazer o pai sofrer litros. Ah, e no meio disso tudo tinha uma égua chamada Vitória.

Por que era ruim: Foi a última novela da Record antes da ressurreição da dramaturgia da emissora com novelas bíblicas, e foi bem inconstante. O elenco era ruinzinho, a produção estava aquém do texto e… vamos ser sinceros, Bruno Ferrari estava canastríssimo.

37 – EM FAMÍLIA

37-em-familia

Do que se tratava: Helenão era uma mulher determinada e que não levava desaforo pra casa, mas era tonta por namorar um cara que enterrou seu bff vivo no dia do seu casamento. Anos depois ela mudou completamente sua personalidade, casou com o enterrado e agora precisa lidar com o Ciume Doentio de Laerte, seu ex que voltou da Europa para se relacionar de forma perturbadora com tua filha.

Por que era ruim: Fica difícil decidir o que havia de pior na novela Em Família. Seria a escalação absurda de personagens com idades não condizentes? Seria o chatíssimo casal lésbico que só serviu para criarem fanfics na internet? Seria a direção preguiçosa e sonífera? Ou então a inexplicável fênix em computação gráfica que ilustrava a promessa de Helenão? Muitas opções para um único fracasso.

36 – ALÉM DO HORIZONTE

36-alem-do-orizonte

Do que se tratava: Garota mimada decide investigar desaparecimento de seu pai numa sociedade secreta e pacifista localizada na amazônia, onde os entrechos criativos das novelas foram substituídos por reboots da trama de LOST.

Por que era ruim: Tinha boas intenções, mas foi difícil acompanhar uma trama que poderia ter dado um seriado legal, mas ficou refém das mudanças causadas pela rejeição do público. Sem contar que a escalação foi tão problemática que o casal principal não deu certo e precisaram refazer o casal sucesso da temporada anterior de Malhação, composto pela Juliana Paiva e pelo Rodrigo Simas.

35- I LOVE PARAISÓPOLIS

35-i-love-paraisopolis

Do que se tratava: Marizete é uma protagonista de coração bom residente da favela de Paraisópolis. Num belo dia ela se apaixona por Benjamin, um riquinho do bairro do Morumbi que também tem coração bom. Na segunda semana eles ficaram juntos sem maiores conflitos e NUNCA.MAIS.SE.SEPARARAM. Fim.

Por que era ruim: Por causa dos fãs shippadores, os casais formados por essa novela não eram separados nunca. E como não tinha trama, sobrava apenas para os núcleos paralelos de humor que funcionavam mais como esquetes que como novela.

34- COMEÇAR DE NOVO

34-comecar-de-novo

Do que se tratava: O pano de fundo da novela era a indústria do petróleo (longos suspiros) e a trama contava a história do amor entre Letícia (Natália do Valle) e Miguel (Marcos Paulo) cujo o amor não pode ser porque a família de Letícia não quer, então eles mandam matar ele, ela acha que ele tá morto mas a verdade é que ele está vivão ali mesmo na união soviética.

Por que era ruim: Indústria do Petróleo, cidade fictícia chamada OURO NEGRO, grande amor que parece que acabou mas na verdade não acabou, personagem que todos acham que está morto porém está vivo na UNIÃO SOVIÉTICA, personagens chamados Elvis Doidão e Janis Doidona… Acho que tá bom já, né?

33 – COMO UMA ONDA

33-como-uma-onda

Do que se tratava: Ricardo Pereira, aquele ator que passou muito tempo sendo o único personagem português nas novelas da Globo até que chegou o Guaraci de Fina Estampa se mete numa enrascada ao se apaixonar por uma portuguesa cuja família detesta ele. Tentando fugir ele acaba conhecendo as irmãs Nina e Lenita e as duas ficam de olho nele. Depois de alguns desdobramentos não muito importantes, o português vai parar no Brasil, onde Nina e Lenita moravam e as duas disputam o amor do português.

Por que era ruim: Primeiro vá a wikipedia e tente achar UMA novela que Ricardo Pereira tenha feito que não tenha sido ao menos um pouco flop (nós tentamos, saímos fracassados). Depois tente me apontar uma novela de Walther Negrão com esse tema praiano que você não tenha dado pelo menos umas cochiladinhas ao assistir. Junte esses dois fatos e você tem Como Uma Onda. Não teve como dar certo e ainda no fim teve até um “quem matou” pra tentar levantar a moral da trama que bem, não rolou.

32 – NEGÓCIO DA CHINA

32-negocio-da-china

Do que se tratava: Bem, não sabemos nem se o próprio Miguel Falabella sabia do que se tratava no fim das contas, mas a novela começa com um chinês que rouba um cassino e que manda as informações do roubo pro Brasil através de um colar com uma pendrive. A tal da pendrive vai parar num bairro carioca do subúrbio e a partir daí começam várias confusões que afastaram a audiência.

Por que era ruim: A intenção não era de todo mal, afinal de contas era uma novela das sete do Falabella e a vontade de explorar uma outra cultura tipo os chineses podia render boas risadas. Bem, até rendeu, mas mais de vergonha alheia do que de qualquer outra coisa. Inclusive, se pudéssemos dar apenas um conselho aos autores seria: parem de abordar a cultura oriental, vai dar errado até se você for a Glória Perez.

31 – ALTO ASTRAL

31-alto-astral

Do que se tratava: Caíque é um médico que odeia sangue e que conversa com espíritos. Ele se apaixona perdidamente por uma mulher que ele desenha desde criança e que é a noiva do seu irmão maquiavélico. Já falei dos espíritos?

Por que era ruim: Em sua novela de estreia Daniel Ortiz mostrou que sabe como ninguém escrever uma novela que fica rodando ao redor do mesmo eixo, não vai pra canto algum e que não é nem engraçada e nem dramática. Coroando essa produção de baixo nível e alta audiência temos Sergio Guizé em um dos protagonistas mais malas dos últimos anos.

30 – GERAÇÃO BRASIL

30-geracao-brasil

Do que se tratava: Ao descobrir que tem uma doença rara e vai morrer logo, o empresário brasileiro Jonas Marra decide abandonar seu império no vale do silício para fazer um reality show no Brasil em busca de seu sucessor, tudo isso enquanto é constantemente sabotado por um Ricardo Tozzi ex-obeso que sente uma atração sexual muito forte pelo protagonista.

Por que era ruim: Todo mundo esperava que Geração Brasil fosse uma nova Cheias de Charme, mas acabou saindo um exemplo de como não se deve comandar uma novela. Personagens sem carisma, uma boa ideia desperdiçada, forçação para interagir com o pessoal da Internet e uma história bem ruim, Geração Brasil é uma novela para ser esquecida.

29 –  SARAMANDAIA

29-saramandaia

Do que se tratava: Os moradores de Bole-Bole querem mudar o nome da cidade para Saramandaia, mas o grupo mais reaça da cidade não concorda. O líder dos reaças era o Zé Mayer que soltava formigas pelo nariz e os líderes das pessoas de bem eram o João Gibão bobão do Sérgio Guizé e o prefeito da cidade. No meio disso tudo tinha o Tarcísio Meira que criava raízes e a Dona Redonda que explodia.

Por que era ruim: Na versão original era uma novela de ninguém mais e ninguém menos do que Dias Gomes e que usou a rivalidade entre dois grupos para abordar de maneira sutil a ditadura militar. No remake, a tentativa de modernizar a trama deu errado, o João Gibão de Sérgio Guizé era insuportável e a fixação por Dona Redonda na trama foi desnecessária. Talvez, a pior novela das onze que já apareceu desde que criaram essa faixa.

28 – ETERNA MAGIA

28-eterna-magia

Do que se tratava: Contava a história de duas irmãs, uma do bem e uma do mal que era pianista famosa na Irlanda, mas voltou para infernizar a vida da irmã. As duas tem poderes mágicos mas a irmã do bem não os usa, só que ai a irmã do mal usa a magia pra conquistar o noivo da irmã do bem e a irmã do bem se alia a uma bruxa do mal pra acabar com a vida da irmã do mal. No meio disso ainda chega um cara pra provar que bruxas não existem.

Por que era ruim: Porque era uma novela espiritualista dessas que as coisas são guiadas por magos, ações de vidas passadas  e ainda pra piorar tinha essa papagaiada de magia, bruxa e outras coisas. Como se não pudesse piorar, ainda por cima teve o Paulo Coelho vestido de mago no primeiro capítulo. Se isso não era um prenúncio de fracasso, eu nem sei o que pode ser.

27 – UM ANJO CAIU DO CÉU

27-um-anjo-caiu-do-ceu

Do que se tratava: Após sofrer um atentado na República Tcheca por um grupo de Neonazistas, o fotógrafo aventureiro João ganha duas opções do anjo Rafael: 1- ir direto para o Paraiso e ficar lá de boa tocando harpa ou 2- aproveitar seus últimos 6 meses de vida resolvendo os problemas da sua família. Claro que ele escolhe a segunda opção, quem prefere descansar quando se pode cuidar da vida de pessoas que fazem piada de pavê na ceia de Natal?

Por que era ruim: Alguém da Globo deve ter pensado “nossa, temos o Caio Blat que tem um cabelinho de anjinho, e se a gente fizer uma novela de plot bem idiota apenas para colocar ele como protagonista?”, e aí alguém aprovou o projeto e ganhamos essa pérola.

26 – JOIA RARA

26-joia-rara

Do que se tratava: Franz e Amélia se apaixonam, mas o amor deles não pode ser porque eles vem de famílias que não se gostaZZzzzzzzzzz e de mundos muitos diferentes etc etc. Eles passam muito perrengue pra ficarem juntos, mas no meio disso eles tem uma filha que, além de insuportável, é a encarnação de um budista importante.

Por que era ruim: Porque era confusa, era um vai e vem danado nessa história de Franz e Amélia cheio de gente doida, vilões inescrupulosos e tal. Mas essa parte até que dava pra aguentar. O que não dava pra aguentar era o núcleo dos budistas e aquela criança insuportável filha dos dois, a Pérola. A única parte boa dessa novela era a fotografia.

25 – AMOR ETERNO AMOR

25-amor-eterno-amor

Do que se tratava: Gabriel Braga Nunes é tipo um Dr. Dolittle de Minas Gerais que tem o dom de se comunicar telepaticamente com animais. Acontece que ele fica cansado dos maus tratos do padastro e vai embora da cidade onde morava pra se tornar um famoso domador de búfalos. Antes de partir tem ele se apaixona por uma menina e eles prometem amor eterno. Tempos depois a mãe dele fica tentando achar ele mas é atrapalhada pela Cássia Kis do mal, ele corta um dobrado pra ficar com a moça que era apaixonado e enquanto isso tem a Klara Castanho sensitiva.

Por que era ruim: Gente, a premissa da novela era realmente um personagem que consegue domar animais com a força do olhar e que jura amor eterno a uma menina que conheceu na infância, já na sinopse dá pra sacar que isso não ia ser bom.

24 – ESCRITO NAS ESTRELAS

24-escrito-nas-estrelas

Do que se tratava: Daniel é filho de um médico que convenientemente faz reprodução assistida e morre de acidente muito cedo, mas por sorte ele tinha congelado seu sêmen. Abalado com a morte do filho, o pai de Daniel procura uma moça digna de ter seu neto e encontra justo a mulher que Daniel conheceu pouco antes de morrer. O problema é que o espírito de Daniel fica competindo com o pai pra ver quem vai ficar com a moça.

Por que era ruim: Não consigo nem dizer o que é pior: se é o lance do cara que morre cedo e tem um pai doido que vai procurar uma mulher digna pra ter um filho do seu filho morto ou se é um ESPÍRITO disputando o amor de uma pessoa. Péssima novela, não tem nem como defender.

23 – DESEJO PROIBIDO

23-desejo-proibido

Do que se tratava: Essa novela era tão confusa que a gente nem consegue explicar direito do que se tratava, mas vamos lá: logo no começo da novela a filha da Dona Candida morre deixando um filho. Esse filho ainda tem pai, mas o pai casa com uma mulher pobre e Dona Candida pega o neto de volta. A mulher pobre fica triste por não ter um filho e vai rezar pra santa da cidade. Nisso aparece uma menina em uma cesta, que não é o Moisés e sim a Fernanda Vasconcellos. Pra estudar o caso vem um padre que, vejam só, acaba se apaixonando pela Fernanda Vasconcellos.

Por que era ruim: Olha essa história, gente. Vó amarga, santa milagreira em uma gruta, um casal principal formado pelo Murilo Rosa padre e a Fernanda Vasconcellos, e o nome pouco sutil de DESEJO PROIBIDO. Não tinha como gostar disso.

22 – ESPERANÇA

22-esperanca

Do que se tratava: Tipo uma Terra Nostra só que no lugar do casal principal ser o Matteo e a Giuliana era o Reynaldo Giannechini e a Priscila Fantin e a Priscila Fantin ao invés de ser italiana era judia o que causa: tretas com sotaque italiano forçado. Também tinha uma abertura em filtro sépia que se você via uma vez você passava o resto da vida cantando VITA VITA ESPERANZAAA PACCE PACCE ESPERANZZZAAA

Por que era ruim: Se Terra Nostra não era muito fácil de aguentar, vocês imaginem uma história quase igual, com o mesmo sotaque italiano forçado, os mesmos barões do café só que com história ainda mais arrastada? A coisa foi tão ruim que a partir daí o Benedito Ruy Barbosa parou de tentar escrever histórias inéditas e focou em remakes.

21 – TEMPOS MODERNOS

21-tempos-modernos

Do que se tratava: “Nossa, essa não era aquela novela em que o Antônio Fagundes falava com um prédio?” pergunta o nobre leitor. Sim, essa é uma novela em que o Antônio Fagundes conversa com um prédio e que tem a Grazi vilã e no meio disso uma história de amor mal resolvida do Fagundão com a ex-mulher que era contra a ideia dele construir esse prédio que veio a falar. Infelizmente nós não prestamos atenção em nada disso porque gente: Antônio Fagundes estava se comunicando com um edifício.

Por que era ruim: Apesar do enorme potencial para o humor involuntário que uma novela em que o nobre ator Antônio Fagundes é forçado a conversar com um edifício em uma pobre referência ao filme 2001 pode parecer ter, infelizmente a novela só era ruim mesmo. Grande flop, a novela sofreu com a baixa audiência e quase todo mundo finge que ela nunca existiu. Menos nós, que botamos ela nessa lista.

20 – GUERRA DOS SEXOS

20-guerra-dos-sexos

Do que se tratava: As mulheres estão começando agora a entrar no mercado de trabalho, ameaçando a soberania dos homens. Representando isso, os primos Charlô e Bimbinha começam a disputar uma herança para provar quem são melhores, homens ou mulheres. Parece uma sinopse aceitável para os anos 80, mas a história se passava em 2012.

Por que era ruim: Uma das novelas mais preguiçosas dos últimos anos. Silvio de Abreu literalmente pegou os roteiros da versão original, clássico dos anos 80, e deu um ctrl c + ctrl v sem vergonha. Além da trama datadíssima, ainda tivemos o autor dando entrevista dizendo que a culpa do fracasso era do público por não ter entendido os vários tipos de humor sofisticado que ele colocou na novela.

19 – FLOR DO CARIBE

19-flor-do-caribe

Do que se tratava: A Grazi dona de uma ONG queria ficar de boa com seu grande amor henri Castelli mas infelizmente tem um vilão louco que não quer deixar, tudo isso enquanto o José Loretto conversa com uma cabra.

Por que era ruim: O José Loretto conversava com uma cabra, em uma dada hora começou a ter umas tramas de perseguição nada a ver, o Tio Vitor do castelo rá-tim-bum fazia o papel de um homem que era nazista e pra completar o filho da Grazi era a criança mais insuportável em novelas das seis em um bom tempo, ou seja… se você conseguia ver essa novela sem se irritar: parabéns.

18 – O PROFETA

18-o-profera

Do que se tratava: Paolominha Oliveira em seu primeiro papel na trilogia das songamongas se apaixona por um moço que descobre que tem poderes mediúnicos que primeiro é de boinhas, mas depois começa numas ideias erradas de querer ganhar dinheiro com seu dom de prever o futuro. Ele também acaba enganbelado pela Carol Castro vilã do mal que faz tudo pra separar a boa mocinha Sônia do Profeta. Sônia também se ferra bastante porque acaba caindo nas mãos de um marido psicopata.

Por que era ruim: Papel de Paola Oliveira songamonguinha, mocinho com poderes mediúnicos, vilã que quer fazer o mocinho ficar rico pra ficar com a fortuna dele, homem psicopata apaixonado demais que coloca a mocinha em cárcere privado. Tudo isso junto gera um daqueles clichês gigantes que você tem certeza que já viu em algum lugar (e já viu mesmo). Pra piorar, os mocinhos não tinham química e a vilã era bem morna, o que contribuía para uma trama das mais soníferas.

17 – BALACOBACO

17-balacobaco

Do que se tratava: A mocinha era a Floribella arquiteta que se apaixonava por um cara X, era traumatizada com o atropelamento de seus entes queridos por um barco e era perseguida por um vilão psicopata de cabelo descolorido e por duas gêmeas que não sabiam se estavam no núcleo sério ou no núcleo cômico.

Por que era ruim: As duas vilãs gêmeas tinham uma cicatriz cada, uma em forma de ponto de interrogação e outra na forma de um ponto de exclamação. Precisa mais motivos para explicar por que essa novela feita às pressas afundou?

16 – PEQUENA TRAVESSA

16-pequena-travessa

Do que se tratava: Depois que o pai fica paraplégico, a jovem Júlia decide arranjar dois empregos: durante o dia ela é recepcionista de um escritório de advocacia, e de tarde se veste de homem e trabalha como office-boy. Claro que ninguém percebe que é apenas a Bianca Rinaldi falando mais grosso, cuspindo e coçando o saco. Ah, e ela se apaixona por um homem riquíssimo porque, né… tem que rolar uma ascenção social.

Por que era ruim: A novela era bem ruim de texto e atuação, nada se salvava. Provavelmente é a pior profissão da Trilogia das Bianca Rinaldi com Emprego Insalubre (ela também foi professora em Malhação e vendedora de loja de departamentos em Pícara Sonhadora).

15 – PÍCARA SONHADORA

15-picara-sonadora

Do que se tratava: Mila era uma moça pobre que trabalhava uma loja de departamentos e morava por lá mesmo. Nas noites melancólicas, em vez de ir até a geladeira ou ver Trato Feito na TV paga ela preferia ficar andando pela loja como um fantasma consumindo os produtos enquanto sonhava com um futuro melhor e em pegar o homem riquíssimo da novela por quem ela se apaixonou verdadeiramente.

Por que era ruim: Essa foi a primeira novela do SBT do acordo com a Televisa de produzir novelas baratas com texto importado. Tudo denunciava o baixo orçamento: os cenários pobres, os atores ruinzinhos, o texto traduzido literalmente e… claro… o título que não faz sentido algum e que foi imposto por Silvio Santos, em uma estratégia para viralizar piadas de duplo sentido nas redes sociais. Pena que estávamos em 2001 e elas não tinham sido inventadas ainda.

14 – O BEIJO DO VAMPIRO

14-o-beijo-do-vampiro

Do que se tratava: Lívia é uma mulher que perdeu o marido e se muda para a cidade de Maramores para criar os três filhos. Até aí tudo normal, mas na verdade ela é a reencarnação de uma princesa, crush do vampiro Bóris Vladescu. Daí que o vampirão aparece nos tempos atuais para uma das mais longas histórias de stalking das novelas brasileiras. Ah, e o filho da Lívia é o Kayke Brito que é meio-vampiro.

Por que era ruim: Curiosamente, essa novela tem uma memória afetiva muito grande na cabeça das pessoas de vinte e poucos anos, mas não se iluda: a novela era ruim demais. Os efeitos toscos, o roteiro sem sentido e Kayke Brito mostrando seu não-talento para atuação desde criancinha mostraram que a moda das novelas vampirescas podia ter parado em Vamp. Aliás, a Globo tentou emplacar uma “vampiromania”, que deu erradíssimo (uma década depois, o negócio emplacou por causa da saga Crepúsculo, ou seja, a Globo é da vanguarda).

13 – CRISTAL

13-cristal

Do que se tratava: Vitória Ascânio não tinha nenhum parentesco com o Ascânio de A Regra do Jogo, e era a riquíssima dona de uma agência de modelos que escondia um passado obscuro: quando jovem ela era uma pobre empregada que teve uma filha e, sem condições de criar, a abandonou. A jovem, por coincidência do destino vai parar sendo modelo justo na agência de Vitória só que Cristina, a Cristal, se envolve com o enteado de Vitória e ela descobre, acha que a menina é interesseira, demite ela, mas ela tava esperando um filho e a história se repete, its the cicleeee of life.

Por que era ruim: Vendo a sinopse assim nem parece que era tão ruim, mas foi sim tão ruim porque era uma novela do SBT, com cenários de baixo orçamento, a Bianca Castanho tava bem ruim como Cristal, ela fez par com o Dado Dolabella, a Vitória parecia vilã de desenho animado com aquele cabelo preto azulado dela e, bem, mais uma daquelas novelas com pouco investimento feitas pelo SBT em meados dos anos dois mil.

12 – REVELAÇÃO

12-revelacao

Do que se tratava: Lucas e Vitória se apaixonam em meio a uma vida acadêmica atribulada de apresentar Powerpoint em congressos vazios e preencher o currículo Lattes. E tem um homem misterioso por trás de tudo.

Por que era ruim: Essa foi a primeira novela de Íris Abravanel, e na época da exibição foi bem criticada porque… bem… é uma novela grandiosa demais para os padrões do SBT e claro que a emissora teria problema em levar aquilo até o fim. E segundo Nilson Xavier, o nome foi dado pelo Silvio Santos, então a equipe de roteiristas teve que tirar do éter qual seria a tal “revelação” do título. Não que isso deixasse a novela mais empolgante, porque vocês viram na sinopse que manter interesse era algo difícil.

11 – BABILÔNIA

11-babilonia

Do que se tratava: O assassinato de um homem une o destino de três mulheres diferentes. De um lado do triângulo temos a maquiavélica Beatriz, a assassina riquíssima e indisposta. Na outra ponta temos Inês, a recalcada da classe média que faz tudo para ficar no lugar de Beatriz, que lhe zoava quando eram crianças. E por fim Regina, a songamonga de coração bão que passa a novela inteira querendo justiçaaaaaa pela morte do pai.

Por que era ruim: Temos a pior novela das nove de todos os tempos, um feito para Gilberto Braga e sua equipe de 347 roteiristas. A história já não era aquelas coisas, e a rejeição do público fez com que a Globo ordenasse que os autores mudassem muita coisa. Aí teve prostituta virando santa, gay virando hétero, ninfomaníaca se apaixonando e investimentos em tramas insossas como o triângulo amoroso do núcleo cômico. Nem o “quem matou” deu um gás no final da novela (pelo contrário, ficamos mais confusos porque a desculpa dada para justificar o assassinato não fazia SENTINDO ALGUM). E não se engane, a novela não seria boa nem se a Globo tivesse deixado os autores escreverem como estava previsto na sinopse.

10- DONA XEPA

10-dona-xepa

Do que se tratava: Dona Xepa é uma feirante de coração bão que sempre dá comida pros pobres do que sobra na sua barraca, afetando a Lei da Oferta e da Procura do Capitalismo e irritando o Ministro das Finanças do Brasil. Mentira, ela é só uma feirante de coração bão que cuida dos filhos, sendo que uma é mau caráter.

Por que era ruim: Uma novela simplória exibida num horário equivocado, Dona Xepa foi um grande mico de audiência em todas as suas exibições. Principalmente naquele episódio do Maurício Mattar perguntar num programa da Record quem via Dona Xepa e NENHUMA das senhoras da plateia levantar a mão. Que tempos difíceis, dona Record.

09 – REBELDE

09-rebeldes

Do que se tratava: Numa escola carioca caríssima chamada Elite Way, seis adolescentes rebeldes se unem pra namorar, tocar umas músicas traduzidas do espanhol e irem para a Globo fingindo que nunca fizeram essa novela.

Por que era ruim: Se já não bastava ser uma adaptação de uma novela mexicana que já não era assim a última tequila da festa, a Record promoveu mais de CINQUENTA mudanças de horário para ver se a audiência engrenava. A segunda temporada enfrentou diretamente Carrossel do SBT e perdeu feio, por isso a emissora mandou colocar umas crianças na trama além de uma história envolvendo partidas de RPG. Como nada fazia a novela melhorar a audiência, a Record falou pro autor “acabou, cê tem 10 capítulos pra terminar essa merda” e assim foi.

08 – ALTA ESTAÇÃO

08-alta-estacao

Do que se tratava: Malhação da Record.

Por que era ruim: Na época que a Record estava realmente empolgada em fazer teledramaturgia, um terceiro horário de novelas foi aberto com Alta Estação, que foi feita para ser a Malhação da Record e educar novos atores. Mas como os atores de novela da Record já são nível Malhação (até porque é de lá que eles vêm), Alta Estação estava um nível abaixo de qualidade do resto das novelas da emissora. Curiosamente, muitos aotres importantes estavam fazendo estágio na trama, como Andreia Horta, Rodrigo Simas, Guilherme Boury e até Gregório Duvivier.

07 – METAMORPHOSES

07-metamorposes

Do que se tratava: A novela começa durante a revolução russa (sério) onde desaparecem umas joias importantes que reaparecem nos anos 2000 e poucos numa clínica de estética chamada Metamorphoses de propriedade de uma moça chamada Circe. Como absurdo pouco é bobagem, Circe se casa com um membro da Yakuza (???) que obriga ela a fazer uma cirurgia de mudança de face num cara. Ela some de lá, volta pro Brasil com a misteriosa joia na bagagem, é perseguida por criminosos, sofre um acidente com a irmã e faz uma cirurgia de transplante de face da cara da irmã na própria cara ai fica vivendo assim enquanto resolve várias tretas.

Por que era ruim: Olha essa sinopse: tem revolução russa, Yakuza, cirurgia de transplante de face e tudo isso com os maravilhosos efeitos especiais e produção que só a Record pode te oferecer. Bom é que esse samba do crioulo doido não ia ser, né?

06 – AMOR E REVOLUÇÃO

06-amor-e-revolucao

Do que se tratava: Estamos no começo da Ditadura Militar no Brasil, aquela que as pessoas esqueceram que quebrou o país e torturou pessoas, e acompanhamos os conflitos amorosos entre a estudante Maria Paixão e o militar José Guerra.

Por que era ruim: Já percebeu que sutileza não era o forte de Tiago Santiago, afinal a estudante de sua novela de chamava PAIXÃO e o militar era o GUERRA. O texto didático do autor também atrapalhava, pois os personagens conversavam inserindo trechos da Wikipedia, como por exemplo “E aí, você vai hoje na reunião da UNE, a União Nacional dos Estudantes, órgão fundado em…”. E a última tentativa de emplacar a novela foi colocando o primeiro beijo gay, mas não deu certo.

05 – MARISOL

05-marisol

Do que se tratava: Foi uma novela criada especialmente para pegar carona nessa cauda de cometa chamada Bárbara Paz que ganhou a Casa dos Artistas depois de fazer par romântico com Supla. Marisol era uma menina de coração bão, que foi criada só pela mãe e carregava um trauma de ter sofrido um acidente e ter uma cicatriz no rosto. Ela vende flores pra sobreviver, na verdade tem um pai rico que ela não conhece e é enganada pelo Alexandre Frota, mas se apaixona mesmo pelo galã que é filho de seu pai (!!!)

Por que era ruim: Gente, olha esse mashup de Maria do Bairro com esse lance de acidente que foi criado única e exclusivamente pra ar uma justificativa pra cicatriz da própria Bárbara Paz. Olha essa sinopse, lembre do baixo orçamento da novela porque o SBT tinha gastado tudo com a Casa dos Artistas. Novela fraca, história fraca, elenco mais ou menos. Só fez relativo sucesso por conta da Bárbara Paz, que naquela época era mais namoradinha do Brasil que a própria Regina Duarte.

04 – PROVA DE AMOR

04-prova-de-amor

Do que se tratava: Clarice se apaixona por Daniel e sofre várias armações de Lopo. Nos núcleos paralelos tem o clichê dos gêmeos separados no nascimento e um táxi com um bordão horrível que carrega artistas da Record para propagandas na novela.

Por que era ruim: Se o texto teatral e declamado de Tiago Santiago combinava muito bem com A Escrava Isaura, o mesmo não podemos falar da trama contemporânea de Prova de Amor. Os personagens falavam como num seminário da quinta série, os diálogos eram forçados e a trama era o máximo do clichê. Foi um sucesso de audiência sim, mas por motivos alheios à qualidade: foi exibida na época que a imprensa estava pegando muito no pé de Bang-Bang por ser uma novela diferentona.

03 – MÁSCARAS

03-mascaras

Do que se tratava: A mulher e o filho de Otávio são sequestrados durante um cruzeiro, e não são devolvidos mesmo depois do pagamento do resgate. Completamente na bad, Otávio decide fazer um cruzeiro pra espairecer e lá um cara chamado Martim morre afogado. Como quem não quer nada, Otávio pega os documentos de Martim e assume uma nova identidade para investigar o desaparecimento de sua família.

Por que era ruim: Máscaras foi o equivalente negativo ao alinhamento dos planetas, porque tudo o que poderia ter acontecido de errado rolou nessa novela. A Record estava no começo de uma crise de audiência, os atores bons estavam indo embora da emissora, o autor escreveu uma novela bem confusa, as atuações eram naquele nível e foi exibida bem na fase que a dramaturgia da Globo estava explodindo de sucesso com Cheias de Charme e Avenida Brasil. É pedir pra tudo dar errado, né? A crise foi tão intensa que só foi recuperada 3 anos depois, com a nossa próxima novela no ranking…

02 – OS DEZ MANDAMENTOS

02-os-dez-mandamentos

Do que se tratava: Moisés é abandonado no rio e encontrado por uma família riquíssima, se torna o príncipe do Egito e depois tem que levar a galera toda até a terra prometida enquanto luta contra um faraó malvado que está sempre ostentando a mesma cara de constipado, além de várias outras tretas que foram criadas pela autora simplesmente pra essa novela durar mais.

Por que era ruim: Apesar do grande sucesso entre os religiosos e da audiência que chegou a deixar a Globo de cabelo em pé, a novela tinha várias falhas. Além de atuações que beiravam a canastrice e de efeitos especiais que mesmo tendo sido feitos fora do país ainda não convenciam, a trama foi esticada a exaustão por conta da audiência fazendo com que, em vários momentos, fosse simplesmente impossível assistir a um capítulo sem soltar pelo menos um bocejo. Além disso teve uma história de um extintor e de um filme e de uma segunda fase prevista para os próximos meses que prova muito bem que a Record não sabe lidar com o sucesso, fazendo com que Os Dez Mandamentos mereça estar figurando na segunda posição da nossa lista.

01 –  Trilogia OS MUTANTES

01-mutantes

Do que se tratava: Maria é uma acrobata de um circo quando se vê acusada da morte de um homem riquíssimo, e no meio disso tudo surgem pessoas com poderes mutantes criados pela maquiavélica doutora Júlia. No final da primeira temporada, após ser declarada culpada pelos crimes que cometeu nos 240 capítulos da novela, ela toma um soro de xixi de jacaré e rejuvenesce com o corpo da Babi Xavier, adotando o nome de Juli. Na segunda temporada surge uma liga do bem formada por vários mutantes que se intitulam… Liga do Bem, e eles precisam enfrentar vampiros, lobisomens, reptilianos e as novelas da Globo. Após chupinhar tramas de X-Men, os mutantes saem de cena e a novela vira um folhetim romântico na terceira temporada, mas aí com a falta de sucesso os poderosos voltaram.

Por que era ruim: Você leu a sinopse? Nem preciso explicar o motivo de tanta ruindade, mas vamos lá. Como todas as novelas de Tiago Santiago, os diálogos atingem o topo da escala Salve Jorge de humor involuntário, seja pelo excesso de didatismo quanto pelas situações que não sabemos se é pra rir ou pra chorar. Em um icônico momento, uma vilã perece fazendo uma citação a Shakespeare, e em outro diálogo maravilhoso Théo Becker faz todos os trocadinhos possíveis sobre ele ser o homem cobra e a ex-miss Nathália Guimarães ser a Mulher Aranha. Soma ao conjunto da obra os deliciosos efeitos especiais que já eram uma prévia das tosqueiras que veríamos oito anos depois em Os Dez Mandamentos e a quantidade absurda de atores B. Parabéns, Os Mutantes, vocês se sagraram como a pior novela brasileira de 2000 pra cá segundo o Coisas de TV!

52 Resultados

  1. marcos félix disse:

    tem algumas que não deveriam esta ai nessa lista, mais resto é tudo um lixo.

  2. Bispo disse:

    tenho simpatia pelas novelas do sbt
    Picara sonhadora consegue misturar comedia e romance, numa forma divertida. Gosto e gosto

  3. Willian disse:

    Faltou as filhas da Mae. E eu tiraria o profeta é escrito nas estrelas da lista.. Bang Bang tbm merecia um ligar na lista

  4. André Vinícius leite Teixeira de Souza disse:

    VOCE E LOUCO DE COLOCAR A PADROEIRA AQUI !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Voce nao tem gosto pra novela. Ela nao da sono e sim risadas.
    Ela ta passando na tv aparecida as 7:00 da noite, assista apenas um e voce vai se arrepender de colocala aqui

  5. Jean disse:

    O criador aqui é muito bom em criticar. Nao concordo com a avaliação feita na Novela Dez Mandamentos. A RECORD É UMA EMISSORA RELIGIOSA,ela nao tem obrigação de agradar e sim passar sua mensagem. A NOVELA DEZ MANDAMENTOS SEMPRE TEVE E SEMPRE VAI TER SEU PÚBLICO. A PALAVRA DE DEUS NÃO É PARA GANHAR AUDIENCIA, E SIM PARA AGRADAR O POVO DE DEUS, PORTANTO, A NOVELA DEZ MANDAMENTOS TEM A INTENÇÃO DE AGRADAR AO BOM CRISTÃO. ASSISTE QUEM TEM TEMPO E GOSTA DE HISTÓRIAS BIBLICAS. QUEM QUER VER COISA CURTA VA VER VIDEO NO YOUTUBE.

  6. sara disse:

    Concordo com muitas novelas que você falou só tiraria da lista das piores (os dez mandamentos, prova de amor, império, alto astral, além do horizonte), observação: (minha opinião)

  7. Gabriel disse:

    Esse Os Mutantes foi uma merda mesmo kkkk ate novela portuguesa foi melhor, não achei que Viver a Vida e Além do Horizonte foi ruim, Além do Horizonte na verdade eu amei, o resto não assisti, pra mim as melhores novelas sem duvidas foi O Cravo ea Rosa, Caras e Bocas, Amor a Vida, Araguaia, A Cor do Pecado, America e acho que só, foi só essas que assisti. kk

  8. Rita Rainner disse:

    Adorei, parabens pelo site!

  9. ramon disse:

    eu acho q os mutantes só estão ai por causa dos efeitos especiais

  10. anonimo disse:

    Eu não admito que falem mal das novelas e dos personagens por que aqui nesta lista tem novelas até boas mais também as ruins como as que são as mais legais pois as que fizeram mais sucessos e tiveram mais audiência como a padroeira, o profeta, esperança, gente fina, olho no olho, explode coração, malhação 1995, o beijo do vampiro, viver a vida, morde e assopra, os mutantes caminhos do coração, prova de amor, vira lata, jamais te esquecerei, amor a vida, em família, da cor do pecado, zazá, Escrava Isaura, vende-se um véu de noiva,  Dancin’ Days, caminho das índias, meu bem, meu mal, começar de novo, paixões proibidas, entre outras que eu gosto.

  11. Bruna disse:

    Fala sério em até alto astral eu adorava esa novela ainda gosto imperio no comeso erá boa a no final uma merda onde já se vio mata o protagonista maldito seja ese escritor o comendador éra o cara 😧😌😖

  12. Júlio Brasil disse:

    kkkkkk nunca ri tanto… excelente texto, críticas ácidas, inteligente e bem humoradas. Adoro novelas e na minha mente vagam os mesmos pensamentos e ficava pensando, será eu doido? NÃO! Acrescento nessa lista “Senhora do Destino”. As pessoas confundem Nazaré Tedesco e memes de internet com a atuação dos atores que beira uma novela de SBT dos anos 90. Leonardo Miggiorin fazendo papel de um marginal de “alta periculosidade” com trejeitos afeminados e uma calça até o umbigo… O QUE É AQUILO GENTE?. Na verdade, o núcleo todo é uma des-graça. Os diálogos são pobres, o sotaque nordestino da Suzana Vieira é um porre-clichê (tipo, no nordeste só falam daquele jeito) e o cenário todo se desmancha, basta a Nazaré empurrar alguém na escada pra você perceber todo o setting de filmagem se tremendo e o corrimão da escada parecendo “a pipa do vovô não sobe mais”… enfim… também cito “Salve Jorge” QUE DISPENSA COMENTÁRIOS, uma vilã flopada como Lívia Marini (Cláudia Raia) onde tacava a seringa no pescoço das rivais num ELEVADOR DE UM PRÉDIO DE LUXO sem ser filmada? a favela eternamente feliz e sambando? aliás, clichê da Glória Perez, ela adora pôr as favelas do Rio como “comunidades” felizes, sem problemas sociais e só gente boa. Quando não, a high society carioca beirando a falência e com suas crises existenciais. “Três Irmãs” também foi uma novela MEGA ULTRA HIPER SUPER chata com a vilania não-implacável da Vera Holtz, aliás, foi vilã recentemente numa PÉSSIMA novela, a “A Lei do Amor”, com histórias chatas zzzzZZzzzZZ, reviravoltas de dar sono, família maluca, Cláudia Raia tarada virando prefeita, mistérios e um casal SEM SAL MEGA NADA A VER (Gianechinni e Claudia Abreu)…. ah, e venho de 2017 dizer: “A força do querer” tem que fazer muita força pra assistir: QUE NOVELA CHATA A PORRA… uma paraense com sotaque do nordeste, com cenas gravadas no Amazonas e que é doida pra virar sereia. Casal entre Fiuk e Isis? Bom, já sabemos o final né: público rejeitando, a Globo mudando e a novela sendo “inesquecível” nas listas de internet como uma das piores. Será “O canto da sereia” que não saiu da cabeça da Globo, já que é Isis Valverde a tal sereia? Bom… ei e por que não citaram “Pérola Negra”? Gente, como assim a ninfetinha vira churrasco num acidente e o espírito volta pra dar pitacos na vida da mocinha de “Olho no olho? Que nóia!

    • Jean disse:

      Infelizmente tanto voce quanto o criador da lista estão equivocados em muitas coisas. Mas eu vou abordar apenas A NOVELA FORÇA DO QUERER NO TOCANTE AOS NORDESTINOS. Durante a epoca de ouro da borracha no Norte do Pais,milhares de nordestinos foram trabalhar nos seringais,principalmente cearenses, dai o forró ser tao mencionado na história. Fato é que a cultura paraense absorveu muito da cultura nordestina,principalmente cearense, é claro que em outro local tudo sofre adaptações.

  13. VALDEIR PEREIRA SERAFIM disse:

    essa lista foi de puro achismo, teve novelas boas ai que foram colocadas, enquanto inumeras novelas da record não foram. Sem noção

  14. mila disse:

    Velho Chico era insuportável. Mas a primeira fase foi magnífica.

  15. Kielson disse:

    Cadê Bank BAng,Salve Jorge,Sangue Bom,Meu pedacinho de Chão, Boogie oogie nessa lista?

  16. marcello rego disse:

    tinha uma uma novela que começou na tupi e terminou na bandeirantes. caso raríssimo .”um homem muito especial” com rubens de falco carlos alberto ricceli e bruna lombardi. o casal saiu da novela antes de terminar indo para globo . quem se lembra ? a trama parece que foi boa na tupi e depois não tão acertada na bandeirantes que na época sabia fazer novelas como pé de vento cara a cara , meu pé de laranja lima , os imigrantes , o todo poderoso etc.. a tupi fazia boas novelas a rede manchete também. corpo santo , pantanal dona beija kanaga do japao etc. e ainda tinha não sei se pode ser considerada o maravilhoso sítio pica pau amarelo com a grande zilka salaberry .infelizmente tudo ficou no passado .

  17. marcello rego disse:

    amigos as novelas estaõ em decadência . isso é visível a muitos anos , as boas novelas são da década de 7o a 80 . novelas como aritana , cara a cara , o todo poderoso , guerra dos sexos de 83, estúpido cúpido , pai herói , pão pão queijo queijo. , chega mais, louco amor , a gata comeu, , roda de fogo , meu pé de laranja lima de 1980, baila comigo , roque santeiro , duas vidas , entre outas . lembro que tinha 14 anos e toda sexta feira fazia psicanalise na tijuca rio de janeiro e quando acabava a sessão eu corria para o super mercado comprar um elma chips e pegar rápido o ônibus para assistir guerra dos sexos . que erá novela das sete. . uma das melhores novelas da globo de todos os tempos. hoje não me empolgo em fazer isso por nenhuma mais. o engraçado que antes da ditadura as novelas eram melhores , tinha enredo ,. depois da ditadura as histórias foram piorando com cenas inapropriadas para nossa juventude. com atores rolando na cama em pleno horárias das seis.depois dessa novela sol nascente vou parar com novelas porque a energia está cara e não vou gastar meu dinheirinho de desempregado enchendo o cofre dessas emissoras com ibope . façam o mesmo . o negócio de hoje em dia são séries.

  18. Kelly Anselmo disse:

    Outra coisa, que as novelas produzidas pelo SBT são um pouco pobres em sua produção ao menos as do início do ano 2000, eu concordo, mas não acho que seja porque a emissora não tenha dinheiro para investir, até porque o que não faltam é patrocinadores para o SBT, como na época que foi feita a Marisol, que foi logo após o término de A casa dos artistas, o premio na época era de R$ 300 a 500 mil reais, o que pra emissora isso não era nada, uma vez que na época o programa era patrocinado por um monte de marcas e também tem aquela questão dos produtos feitos com a marca do programa, só com um patrocinador o SBT já iria repor facilmente o dinheiro do premio, porém não é de interesse de Silvio Santos investir em novelas criadas na emissora como a Globo ou SBT, é mais fácil comprar o direito de realizar remakes de novelas mexicanas ou reproduzir as mesmas, acredito que o foco do SBT seja mais em seriados , programas de entretenimento e telejornais.

  19. Kelly Anselmo disse:

    Ah cada um tem o seu gosto, mas não acho que Alta Estação, O beijo do vampiro e Império foram novelas ruins, concordo que o meio de Império foi meio conturbado por conta da saída da Drica Moraes do elenco, por questão de saúde e a desculpa que encontraram para que a personagem permanecesse na trama, no qual tiveram que escalar novamente a Marjorie que havia feito a personagem na primeira fase da novela às pressas foi meio estranha, mas não acho que ela tenha sido ruim, acho que foi boa. Novelas que poderiam estar no primeiro lugar do Ranking seria Salve Jorge ou Caminho das Indias, que foi uma cópia bem mal feita de O clone.

  20. Evelyn Brenda disse:

    esqueceram da novela o fim do mundo, que foi a pior novela da rede globo, em 2002, a pior de todas

  21. Eu não acho que a padroeira foi a pior novela por que era a melhor novela de época e também falava da história da Nossa Senhora Aparecida.

  22. Zuleide disse:

    Não acredito que nem citaram Bang Bang e Salve Jorge hahaahahaha

  23. Daniel disse:

    Bang Bang n tá na lista?? Nacreditooo!!!

  24. Rafael T. disse:

    Eu gostei da lista mas não concordo com O Profeta (última novela das 18h com media geral acima dos 30 pontos bjos a historia principal era meio blerh sim mas os vilões da Carol Castro e o Dalton Vigh psicopata levaram a novela nas costas principalmente na reta final), Escrito nas Estrelas (junto com ADT as melhores da Jhin) e Estrela Guia (tida como inovação até hoje pela historia curta, o romance da Sandy com o Guilherme Fontes foi sublimado pelo público que deixou acontecer na epoca alem de ter todos os ingredientes de uma trama das 6h, leve e despretenciosa, sem precisar de DRs pra encher lingüiça)…O mesmo digo para O Beijo do Vampiro e por incrível que pareça Desejo Proibido foi a única novela do Walther Negrão que me deu interesse em acompanhar em meio a inúmeros fracassos como Flor do Caribe e Como uma Onda que são PAVOROSAS

    Só adicionaria a lista: America, Caminho das Índias, Salve Jorge, A Regra do Jogo (O erro!!) e Araguaia!!!! (Até hoje não engulo o porque de ter substituído Cama de Gato)

  25. Tais disse:

    Os dez mandamentos foi boa sim, e olha que nem sou mto religiosa, agora talvez se fosse uma novela moderna os núcleos paralelos ia ser chatinho msm… Eu colocaria a regra do jogo (péssima)

  26. Ivan Linares disse:

    Cheguei tarde demais pra alguém ler isto, mas…

    Eu também acrescentaria à lista o remake de “Ti-ti-ti”, de 2010. Nada contra refilmar a trama dos costureiros rivais, mas Maria Adelaide Amaral resolveu enxertar lá a história lacrimogênea de “Plumas e Paetês”, resultando em duas histórias principais disputando espaço na novela, e cujos personagens nunca entravam em contato. Poderiam muito bem ser duas novelas independentes, com abertura e horário próprios, que não faria diferença nenhuma.

    A parte das “Plumas” era tão chata que eu levava um livro ou revista pra ler quando ela aparecia na tela. Não lembro direito o que aconteceu nela, e não fez nenhuma diferença pra parte boa.

    (E, pra piorar, ainda cortaram a Turma da Lazinha, que era hilária –pelo menos eu achava do alto dos meus nove/dez anos. No máximo aparecem uns doidos fingindo que são dela.)

  27. Ivan Linares disse:

    Cheguei tarde demais pra alguém ler isto, mas…

    Eu também acrescentaria à lista o remake de “Ti-ti-ti”, de 2010. Nada contra refilmar a trama dos costureiros rivais, mas Maria Adelaide Amaral resolveu enxertar lá a história lacrimogênea de “Plumas e Paetês”, resultando em duas histórias principais disputando espaço na novela, e cujos personagens nunca entravam em contato. Poderiam muito bem ser duas novelas independentes, com abertura e horário próprios, que não faria diferença nenhuma.

    A parte das “Plumas” era tão chata que eu levava um livro ou revista pra ler quando ela aparecia na tela. Não lembro direito o que aconteceu nela, e não fez nenhuma diferença.

    (E, pra piorar, ainda cortaram a Turma da Lazinha, que era hilária –pelo menos eu achava do alto dos meus nove/dez anos.)

  28. ana disse:

    Cade avenida Brasil?

  29. iaranrose disse:

    A Globo tem sorte de ter a fábrica de novelas da Record, pq olha…puxado. Só bomba nesse ranking. Faltou a adaptação do SBT da mexicana Esmeralda, com a Bianca Castanho atuando como cega. Acho que ela coloca todas as songamongas de novelas no chinelo. Vou comentar só algumas.
    Alta-Estação. Eu comecei a assistir pq a trama era uma cópia descarada do plot da série Felicity e mais algumas séries adolescentes americanas. A ideia de uma malhação para universitários foi boa (mas é melhor em formato de série do que de novela)
    Esplendor está aí?! Insisto: era boa, foi curtinha, enxuta. O povo era novo demais para lembrar ou pq a sucessora Cravo e a Rosa conseguiu eclipsar totalmente. Ainda hoje eu fico torcendo para voltar no Vale a Pena ver de Novo ou no Viva. Motivos: Anos 50, rockabilly, músicas, jaqueta de couros. Joana Fonn megera. O clima Morro dos Ventos Uivantes na casa do Floriano Peixoto. O Gui, o garotinho que não falava, mas era bem expressivo no olhar. Estréia do Max Fercondini (#soudessas). Perdi as esperanças, vou assistir no YT mesmo.

  30. Luan Victor disse:

    Fábio e Larissa, será que agora vocês podem fazer uma lista das 50 melhores novelas dos anos 2000 pra cá?

  31. nandoclemente disse:

    Faltou algumas novelas terríveis do SBT ai Maria Esperança,Canavial de Paixões e a Band podia ao menos ter sido lembrada teve coisa ruim como Floribella,Água na Boca,Dance Dance Dance….

  32. Elly disse:

    Dizem as boas línguas que a pior novela ever do mundo foi Brida, aquela que era tão ruim, mas tão ruim, que nem final minimamente digno teve.

    Pícara Sonhadora e Pequena travessa nãooooooo! Essas novelas eram tão <3 Meus guilty pleasures da vida. Na verdade, toda novela do SBT é um guilty pleasures pra mim!

    O que acabou com ILP foi realmente Shipp e Fandom! Essas coisas tão sendo a desgraça das séries/novelas/livros/realitys! Uma coisa de ruim que a internet trouxe: A união desse povo.

    No geral eu concordo com quase tudo, porque tem umas que não mereciam estar ai e outras que mereciam sim (Hello, Brida. Hello, Insensato Coração. Hello, Passione. Hello, quase todas as novelas do Gilbertão.) E mudaria algumas posições: Império merecia muito estar no Top 10 haha

  33. José disse:

    Esse mau humor típico, essa opinião pessoal sem senso crítico, esse shade nos leitores com textos ofensivos a novelas que não foram necessariamente ruins (O Profeta, Escrito nas Estrelas, O Beijo do Vampiro, Império etc) sem medo de lerem textão xingando vocês <3333 saudade que eu tava

    • Jessica Oliveira disse:

      Hahahaha, terei que concordar&tipo império foi rasoavelmente boa, e acho que qualquer crítico de novelas mais especialista saberia que& haha e será
      que eu fui a única pessoa no mundo que gostava de amor eterno amor? kkkkk

  34. Gente não sabia que o tio Walcyr tinha escrito a padroeira!

  35. Roni Junior disse:

    Nossa, estou muito contente com a volta de vocês. Sempre acompanhei os seus textos no Coisas de Novela e TV pra vc e me divertia muito. Espero que dessa vez esse site dure muito mais do que os outros. Agora, com relação a primeira publicação, só tenho uma discordância: a inclusão de Esplendor. Essa novela era maravilhosa! Mas, no geral, gostei do mega post (haja fôlego).
    Vida longa ao Coisas de TV! E que venham muitos textos irreverentes e irônicos.

    • iaranrose disse:

      Sim. Esplendor era maravilhosa. Trilha, cenário, romance, drama. Teve até aventura. Passou batida pelos mais novos. Eu era viciada. kkkk Só não fiquei com vazio pq estreou outra maravilhosa depois.

  36. Alexandre disse:

    apenas umas correções…
    Estrela Guia e Negócio da China foram exibidas as 18hs e não as 19hs…
    Em Esperança, Maria (Priscila Fantin) é italiano também. A personagem da Ana Paula Arósio que era judia.

  37. Que história é essa de o Beijo do vampiro ser a pior da globo nos anos dois mil? E colocar o profeta e escrito nas estrelas na lista? Todo mundo sabe que vc tem rage da jhin mas essa foi demais… saem falar que essa matéria é totalmente des necessária… Sorry… Socorrooooo larissa! e coloquem o disqus please!

  38. Oi Fábio e Larissa, onde vcs estiverem eu estarei lá.
    Sou um Maníaco do Parque de vcs <3.
    Fábio eu te perdoo de tudo que vc no finado site e quero que a nossa relação amorosa por telepatia volte ao normal e Lari, estou ansioso pelos seus textos <3.
    Posso mandar uma ótima notícia? Que bom que vcs não colocaram Salve Jorge (eu acho que foi pq gostaram não pq esqueceram, tomara que gostaram).
    Mas sinto a falta de algumas novelas tenebrosas e que me dão pavor: Duas Caras (a pior novela dos anos 2005-2010 às 21h) e Caminho das Índias (que eu apesar de ser Glorianne <3 confesso que a trama é um marasmo por si só).
    Bem, se não for incômodo queria o Disqus pra melhorar a nossa comunicação dos leitores com vcs. De qualquer forma, obrigado por me fazer tirar desses sites chinfrins de TV por aí.
    Pra terminar quero dizer que Fábio e Larissa É MODA!

  39. Joana disse:

    O Ricardo Pereira é um fenómeno interessante. Quando entra numa novela no Brasil, a coisa corre mal. Quando entra numa novela em Portugal é um sucesso. Ainda o ano passado teve um papel de relevo na novela mais vista e com maior repercussão em Portugal: Mar Salgado. Foi a segunda novela mais vista de sempre da SIC (curiosamente, uma informação retirada da wikipédia).

  40. Feh Machado disse:

    Ahahaha Adorei!
    Eu não sou noveleiro, mas me lembro do Beijo do Vampiro ser tão ruim que eu não podia ouvir Blue Moon e ja me lembrava do Kaique de vampiro! E as pessoas aonda se perguntam o pq dela não ter sido reprisada. Rs
    Agora, cadê a lista com as melhores novelas? Ja estou curioso haha

  41. É muita novela para comentar, mas concordo que a maioria foi sim, ruim demais! Porém, algumas não colocaria na lista como Escrito nas Estrelas, O Profeta e Joia Rara. A primeira adorava, e as outras duas apesar de ter suas chatices não acho que foram ruim, e ainda daria uma absolvição a Geração Brasil, por ter me feito depois de muitoooos anos, shippar como se não houvesse amanhã um casal, Verônas ♥ kkkk…

  42. Pedro Henrique Vieira disse:

    Concordo com quase tudo, mas, amor eterno amor, escrito nas estrelas, e O Profeta foram muito boas. A cena final de Amor Eterno Amor é linda, e o Profeta teve uma reta final de tirar o fôlego. Escrito nas estrelas teve um desenvolvimento legal mas se esqueceu de uns 10 personagens no final. E eu acrescentaria Passione, Insensato Coração, e Belíssima (que eu não entendo porque fez sucesso) .

  43. Milena disse:

    Que legal acompanho os textos do Fabio sobre novelas desde o Coisas de Novela. Sucesso para esse novo projeto de vocês e não deixem de colocar o disqus.

  44. lsureke disse:

    Hahaha A Regra do Jogo é tipo estudante que chega atrasado pro ENEM e se joga por baixo do portão, se salvou por pouco!

  1. março 14, 2016

    […] Os Dez Mandamentos (que ficou em segundo lugar na nossa lista de PIORES novelas de 2000 pra cá, clique aqui e leia caso não tenha visto ainda). Se Velho Chico vai dar certo ou não, aí só esperando pra […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *