10 filmes que você não pode perder em 2017

Com o final do ano bem próximo, é hora de rever o calendário que está por vir. E estes são os 10 filmes que você não pode perder em 2017. Em outras palavras, a visão obrigatória do próximo ano. Um curso também cheio de reinícios, remakes e sequelas. E um universo partilhado. A lista foi aprovada pela equipa responsável pelo CINEMASCOMICS.COM. Portanto, aqui estão os 10 filmes que não pode perder em 2017.

Logan (3 de março)

A despedida de Hugh Jackman como Wolverine será o ponto alto de Logan. Um filme que vai dançar entre “Old Mand Logan” e “The Death of Wolverine“. E isso significará o adeus final para o ator australiano como Wolverine. Os mutantes apaixonaram-se pelo Logan. Charles Xavier e Wolverine parecem ser os únicos sobreviventes. Mas o Professor X tem um ás na manga. É Laura Kinney (X-23), uma mutante misteriosa que pode ser a chave para o futuro da X-Patrol. [VER TRAILER]

Power Rangers’ (24 de março)

A adaptação cinematográfica da lendária série televisiva promete. Ou, pelo menos, para aqueles que eram fãs de morrer de fome do programa de TV. Seja como for, os Power Rangers vão trazer de volta personagens míticas como a Rita Repulsa. O enredo vai girar em torno da vilã, Elizabeth Banks. Assim como uma série de crianças que descobrem poderes misteriosos que fazem deles Rangers. [VER TRAILER]

Guardiães da Galáxia Vol. 2′ (25 de abril)

A continuação de um dos maiores sucessos de bilheteria e audiência dos estúdios Marvel. Guardiões da Galáxia Vol. 2 apresenta James Gunn novamente na direção e no mesmo elenco. Incluindo novos personagens como o Louva-a-Deus, além de dar mais destaque ao Yondu ou à Nebulosa, sem mencionar aquele Baby Groot que já nos roubou o coração com os trailers! A essência permanece e a equipa também. Além disso, não terá nada a ver com a MCU. Então, a confusão narrativa do mundo cósmico Marvelite está fora de questão. Batata quente para Taika Waititi! [VER TRAILER]

Wonder Woman’ (2 de junho)

Patty Jenkins, com a ajuda de Zack Snyder, vai fazer história no próximo ano. Wonder Woman será o primeiro filme a estrelar exclusivamente um super-herói. Um feito e tanto, mas também necessário. E é óbvio. A adaptação cinematográfica de Diana Prince (Gal Gadot) será uma prequela a DC Universo Estendido. Embora tudo pareça apontar para possíveis conexões com o futuro mais imediato do DCEU. [VER TRAILER]

Transformadores: O Último Cavaleiro (23 de junho)

Quinto filme na saga de Michael Bay. Transformers: The Last Knight is the sequel to Transformers: The Age of Extinction e servirá como um link para o spin-off em preparação para o Bumblebee. O primeiro trailer já avançou o que podemos esperar. Ou seja, mais do mesmo. Muita ação, muitas explosões e muito caos em uma das sagas cinematográficas de maior sucesso de todos os tempos. [VER TRAILER]

Homem-Aranha: Homecoming’ (7 de julho)

Provavelmente o filme mais esperado do ano. E um dos filmes mais esperados dos últimos tempos, só ultrapassado por Star Wars: The Awakening of the Force. O regresso de Trepamuros aos Estúdios Marvel e a sua aparição na Guerra Civil conduzem aqui. Homem-Aranha: Homecoming será o primeiro de três ou quatro filmes que o estúdio presidido por Kevin Feige prepara para o personagem. A juventude de Tom Holland é um bom presságio. Temos o Homem-Aranha à nossa espera! [VER TRAILER]

Blade Runner 2049′ (6 de outubro)

A sequela do lendário filme de culto de Ridley Scott. Blade Runner 2049 é o título escolhido pela franquia, que desta vez dá lugar a Denis Villeneuve na direção. Scott vai supervisionar o trabalho do diretor de Hitman e The Arrival. No entanto, serão os fãs de Rick Deckard (Harrison Ford) e os replicantes que liderarão o caminho para o Blade Runner 2049. Será que ele vai estar à altura do primeiro? Difícil não, quase impossível. Mas nós temos fé em Villeneuve. [VER TRAILER]

Thor: Ragnarok’ (25 de outubro)

Será o terceiro filme do Deus do Trovão (Chris Hemsworth) sozinho. Ou não tão solo”. Do apocalipse asgardiano vamos para uma semi-adaptação do “Planeta Hulk“. A presença do Gigante Esmeralda (Mark Ruffalo) está assegurada. No entanto, Taika Waiti terá que enfrentar um triplo problema de conexão. Por um lado, a ameaça de destruição absoluta de Asgard. Por outro lado, a combinação de Thor e o Hulk. Faz sentido e faz com que funcione. E finalmente, Thor: Ragnarok tem de ligar todo o Universo do Cinema Marvel (MCU) aos Vingadores: A Guerra do Infinito. Quase nada sobre o olho!

Liga da Justiça” (16 de novembro)

O projeto mais ambicioso do Universo Estendido DC. Depois do prólogo que indiretamente significou Batman vs. Super-Homem, a Liga da Justiça deverá ser o grande evento da DCEU nos primeiros dias da Warner Bros. Zack Snyder colocar-se-á novamente ao serviço dos super-heróis da DC Comics. Pode ser o seu adeus, embora tudo pareça apontar para o seu envolvimento continuado no futuro. Seja como for, Batman, Flash, Wonder Woman, Cyborg, Aquaman e um Super-Homem renascido terão de enfrentar a maior ameaça da Terra. Ou seja, a chegada de Darkseid com Steppenwolf e o resto dos acólitos de Apokolips. Aparece a Equação Anti-vida! [VER TRAILER]

Star Wars: Episode VIII – The Last Jedi’ (15 de dezembro)

O ainda inominado “Star Wars Episode VIII” é um dos filmes mais esperados de 2017. A sequela de Star Wars: The Awakening of the Force deixa J.J. Abrams para enfrentar Rian Johnson(Looper). Johnson terá que lidar com o pouco que Abrams tinha no Episódio VII e com os guerreiros do mundo inteiro. Para não mencionar que o Rogue One colocou a fasquia muito alta. Que a Força esteja contigo!

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad