A Verdade Inacreditável (1989) por Hal Hartley

A

Verdade Inacreditável (1989) * EUA

Duração: 90 Min.

Música: Jim Coleman

Fotografia: Michael Spiller

Escrito e dirigido por Hal Hartley

Artistas: Adrienne Shelly (Audry Hugo), Robert Burke (Josh), Christopher Cooke (Vic Hugo), Julia McNeal (Pearl), Katherine Mayfield (Liz Hugo), Gary Sauer (Emmet), Mark Bailey (Mike), David Healy (Todd Whitbread), Matt Malloy (Otis), Edie Falco (Jane), Paul Schultze (Bill)

Josh Hutton é libertado da prisão depois de cumprir uma pena de 15 anos por homicídio. Isto é algo que quase ninguém se lembra de como aconteceu, mas que todos comentam com alguma apreensão.

Só Audrey parece positivamente impressionada com ele, pois ignora seu passado e lhe dá o endereço da oficina de seu pai, enquanto ele aprende mecânica na prisão. E este, Victor, ao ver como ele trabalha bem, concorda em contratá-lo, embora com desconfiança.

Victor tem discussões intermináveis com sua filha que está prestes a terminar o ensino médio e foi admitida em Harvard, embora ela pareça estar apenas preocupada com o futuro do planeta e esteja obcecada com sua destruição por uma bomba atômica.

Seus pais querem que ela vá para a universidade, mas Victor prefere que ela vá para a universidade local e não para Harvard, que é muito cara para eles. E ela concorda com os desejos deles em troca de uma doação para uma associação ambiental.

Suas fotos são um sucesso imediato, então ela começa a trabalhar como modelo e ganha muito dinheiro, enquanto se sente cada vez mais atraída por Josh, embora não possa evitar os preconceitos do pai, decidindo ir para a universidade e nunca mais ver Josh, em troca de não expulsá-lo do trabalho.

Apesar das promessas, Audrey e Josh continuam a ver-se, apesar de Josh não querer ir muito longe por gratidão a Victor. Audrey decide então se mudar para a cidade e se tornar independente dos pais, vendo sua carreira decolar como um flash na frigideira, o que seus pais não gostam, já que ela está em um anúncio do Sunday Times completamente nua.

Victor pensa que será capaz de mudar a sua filha se ele tornar a vida dela mais agradável e, portanto, mudar de idéia. Ele não vê mais Josh como um assassino, e pede que ele vá buscar sua filha na cidade no caminho de volta de uma viagem à Europa.

Josh vai, mas a vê com outro homem e fica desapontado, e depois de tantos anos sem beber, ele o faz novamente.

Mas uma reunião com a Pearl vai mudá-lo. Pearl fala com ele sobre a coisa que marcou a sua vida.

Josh era o namorado da irmã de Pearl e ela morreu num acidente de carro porque ele estava bêbado. E ele ficou tão chateado que foi ver o pai da garota, que, indignado, começou a espancá-lo. Josh então o empurrou, com tanta má sorte que o homem caiu das escadas e morreu, sendo condenado por assassinato. Pearl diz-lhe que ele não matou o pai dela, mas que foi um acidente.

Depois da confissão, Pearl dorme na casa do Josh. E logo Victor, Audrey e o namorado de Pearl chegam. Ao vê-la lá, eles acham que ela dormiu com Josh, então tudo logo ficará claro e Audrey e Josh, não mais sob pressão, serão capazes de viver o amor deles.

Classificação: 3

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad