APÓS o Bebê Babyteeth Volume 1: Levantando o Anticristo

Babyteethsegue Sadie Ritter, uma rapariga de dezasseis anos que ainda anda no liceu. Ela ficou grávida em circunstâncias pouco claras e tem muito a deixar para trás, em gravações de vídeo com o telemóvel, para que o seu recém-nascido possa saber o que aconteceu durante o tempo em que ainda não estava muito consciente de quem era, a suposta encarnação do Anticristo. Uma história que a princípio é uma questão de andar pela casa, sem a necessidade de sair do estado americano de Utah, mas que em breve se tornará internacional.

Criar um bebê pode ser difícil para uma mãe solteira pela primeira vez, mesmo com a ajuda inestimável do pai e da irmã mais velha. Ambos serão de vital importância para a sobrevivência de Clark, um bebê que nunca deixa de surpreender. Como se isso não fosse suficiente, vamos encontrar duas sociedades secretas interessadas no controverso recém-nascido. Um deles, “A Silhueta“, está disposto a terminar a sua existência usando métodos directos e expeditos. Outros, “El Camino“, querem protegê-lo para que ele cresça e atinja todo o seu potencial.

Se a tudo isso acrescentarmos um “guaxinim” infernal, cujas intenções ainda não estão definidas nos primeiros cinco números da coleção incluídos neste volume, temos um conjunto muito interessante que nos deixa com o mel nos lábios por saber como continuam as desventuras de Sadie e seu bebê. A primeira edição do Planeta também inclui uma extensa galeria de capas alternativas.

Donny Cates nos oferece uma visão muito humanizada dos primeiros dias de uma criança muito especial que tem o cuidado de uma família que o ama e lhe dá tudo o que tem, cujos sacrifícios não têm limite, apesar das suspeitas oferecidas pela sua suposta condição. Amor incondicional que encontra apoio nas linhas escuras de Garry Brown, que mostra uma realidade crua por meio de linhas retas, grosseiras, pontiagudas e sem escumar nos rios de sangue. Desenhos muito dinâmicos, cheios de movimento, mas sem falta de doçura em certas cenas.

Babyteeth é uma imersão no conceito de família, um reflexo do dia-a-dia que uma mãe adolescente pode sofrer dentro de uma família disfuncional. Um exemplo brilhante de uma história verdadeira que se maravilha com a adicção de um componente sobrenatural que complicará a já difícil educação de um recém-nascido que chora, não come bem e não deixa sua mãe descansar.

Sinopse Oficial do Babyteeth Volume 1

Sadie Ritter é uma nerd afável de dezesseis anos que está grávida de nove meses e morre de medo. Ter um bebê nessa idade é complicado, mas, com o apoio de sua família amorosa, tudo deve ficar bem… Embora seja possível que seu bebê, Clark, seja o Anticristo, e ele esteja determinado a quebrar as barreiras que separam o plano terreno do demoníaco e a liberar o sofrimento eterno para toda a humanidade.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad