Charlize Theron quer um cruzamento de Atom e John Wick

Charlize Theron é definitivamente fascinada por filmes de ação. Já a vimos em filmes como Mad Max: Road Rage, Atomica, Fast and Furious 8 e agora ela está estrelando em A Velha Guarda, que estreou recentemente no Netflix. E aparentemente, isso não é suficiente para ela. Além de estar desenvolvendo uma possível sequela para Atom, ele adoraria ter um cruzamento com John Wick.

Ele contou ao The Hollywood Reporter sobre sua amizade com Keanu Reeves, com quem coincidiu no filme Sweet November 2001: “Keanu é um dos meus favoritos no mundo, eu o amo loucamente”. Eu respeito-o, admiro-o e estou muito grato por ter feito dois filmes com ele. Há uma linha que os dois filmes de ação: David Leitch, diretor de ‘Atom’, havia dirigido com Chad Stahelski, ‘John Wick’. No entanto, Leitch só é creditado como produtor em John Wick: embora tenha dirigido com Stahelski o filme, não pôde receber o crédito do diretor por causa das regras do Sindicato dos Realizadores. Os demais filmes da saga têm Leitch como produtor executivo.

Então não é uma loucura o que Charlize Theron propõe: “[Keanu Reeves e eu] estamos em uma nova fase de nossas carreiras, e ‘Atomica’ foi muito influenciado por ‘John Wick'”. Por isso, se conseguirmos que aqueles dois personagens se encontrem numa linha temporal que faça sentido, eu estou disposto a isso. Não podes torná-lo mais claro. “Ouve, assim que me chamarem, eu estarei lá”, diz ele.

Sequela atómica na Netflix?

Na mesma entrevista, Charlize Theron, que adoraria estrelar na prequela de Furious, deu alguns detalhes sobre como está indo o desenvolvimento de uma possível sequela do seu filme de 2017. “Estamos na fase de desenvolvimento neste momento, é isso que é óptimo na quarentena, poder desenvolver com os argumentistas através do Zoom. Portanto, estamos desenvolvendo ativamente uma seqüência de ‘Atom’ agora mesmo.

A atriz está confirmando a notícia de que o filme será produzido diretamente para a Netflix, que foi divulgada em abril. O próprio Leitch disse algo no verão passado: “Uma plataforma de streaming está interessada”. Fui diretor comissionário desse filme, mas no final das contas, Kelly McCormick, minha parceira de produção e esposa, estará envolvida, com certeza, como produtora. E foi assim que consegui o emprego da primeira vez. Vamos ver isso.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad