Ele faz uma piada assustadora sobre “O Poço”, um filme como tantos outros.

No site do filme ‘The Well: Missing Call 2’, além do trailer e informações sobre a produção, é explicado como se pode pregar uma piada anônima a um amigo para que ele receba uma mensagem de características idênticas àquelas recebidas pelos protagonistas do filme. Em outras palavras, uma mensagem aterradora do seu próprio celular e transmitida do futuro.

O “Poço” de Renpei Tsukamoto será lançado nos cinemas na próxima sexta-feira, 7 de Abril… Para ser honesto, vi o filme há dois meses e meio e não o consigo distinguir de todos os outros filmes de terror asiáticos que envolvem telemóveis, visitas fantasmagóricas do além ou do futuro, almas que ainda não se vingaram daqueles que abusaram deles… The Ring’, ‘Premonition’, ‘The Grudge’, -‘Dark Water’, ‘The Eye’… vários deles com as suas segundas partes, e muitos mais. São todos iguais. Em alguns é o telefone celular, em outros é um jornal. Neste havia um poço, como o título indica, mas havia também um no ‘The Ring’ e em tantos outros. Acho que me lembro que, como em quase todos estes filmes, o final não foi bem compreendido.

É um perigo que algo se torne moda porque, então, os produtos em série começarão a chegar como churros.

Como se todos estes filmes não fossem suficientemente parecidos entre si, o que estamos aqui a tratar é uma sequela. Apesar de se chamar “O Poço”, é a segunda parte de “Lost Call” de Takashi Miike, um filme que também não foi bem compreendido e que foi errático e absurdo. Basta olhar para a velocidade a que Miike rola para perceber que os seus trabalhos não são tão redondos como se poderia esperar. Por exemplo, em 2003, o ano de ‘Missed Call’, dirigiu 5 filmes.

Aqueles que gostaram de todos os filmes semelhantes vão gostar deste. Aqueles que as desfrutaram com seus amigos, rindo e brincando, vão gostar ainda mais desta, pois poderão enviar mensagens de brincadeira uns aos outros e rir cada vez que alguém do grupo tocar o celular do grupo, mesmo que não seja ao som do filme.

Eu recomendo que você assista com o único desejo de dar umas gargalhadas. Não é que ela seja má. É só que é mais um. Inacreditável e banal.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad