“Fiquei intimidado com o tamanho dela.”

Faz mais de quatro anos que ‘The Great Gatsby’, a luxuosa adaptação do romance de F. Scott Fitzgerald dirigido por Baz Luhrmann, chegou aos teatros e acabou arrecadando 351 milhões de dólares para um orçamento de 105 dólares. No entanto, as críticas não foram particularmente boas e agora é Carey Mulligan, uma das personagens principais, que confessou que não está muito satisfeita com a sua performance nele.

A atriz aproveitou o início da campanha promocional de ‘Mudbound’, a grande aposta da Netflix para os próximos Oscars, para ser honesta sobre seu trabalho com Leonardo DiCaprio, Tobey Maguire, Elizabeth Debicki e o resto do elenco. Especificamente, isto é o que ele disse sobre o porquê de não estar entusiasmado com o seu desempenho e o que fez com que isso acontecesse:

Não esqueçamos que Mulligan era então uma atriz que se destacou em filmes com orçamentos muito menores que ‘The Great Gatsby’ – o único comparável seria ‘Wall Street 2: Money Never Sleeps’. Na verdade, seus dois trabalhos anteriores estavam em “Drive” e “Shame” e que em 2012 não chegou a lançar nenhum filme, então certamente sua participação no filme de Luhrmann foi muito exigente. Então ela se lembra do processo para conseguir o papel e o quão envolvida ela estava:

Parece que ela simplesmente queria se esforçar tanto para capturar tudo no livro de Fitzgerald que acabou se perdendo pelo caminho. E não é conveniente ignorar a referência a Ginevra King, considerada por muitos a musa do escritor e inspiração direta para vários de seus personagens. Pela minha parte, não fiquei muito satisfeito com o seu desempenho e é bom saber que ela própria está consciente de que não deu o melhor de si.

Ela diz sobre essa experiência: “Talvez me tenha feito concentrar um pouco mais a minha carreira em filmes independentes para tentar encontrar algo mais controlável“. Tanto que ela deve ter sentido a necessidade de se sentir confortável que só lançou um punhado de títulos como “Suffragette” ou “Far from the Madding Crowd” desde 2013.

Outro detalhe curioso que Mulligan revelou é que ele tem uma clara tendência a não assistir aos seus filmes durante as estréias. Isto significa que ele não conseguiu visualizar a edição final de nenhum dos títulos em que participou. O caso mais marcante é o da aclamada ‘Drive’, que ela tentou de uma forma muito peculiar, como ela explica:

Não por falta de sinceridade, é claro. Agora só temos de esperar até 17 de Novembro para ver como ela está em ‘Mudbound’.

Via | Variedade

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad