O ano das luzes (1986) por Fernando Trueba

O ano das luzesEspanha

(1986) *

Duração: 105 minutos.

Música: Francisco Guerrero

Fotografia: Juan Amorós

Roteiro: Rafael Azcona e Fernando Trueba

Diretor: Fernando Trueba

Artistas: Jorge Sanz (Manolo), Maribel Verdú (María Jesús), Manuel Alexandre (Emilio), Verónica Forqué (Irene), Santiago Ramos (Pepe), Rafaela Aparicio (Rafaela), Chus Lampreave (Tránsito), José Sazatornil (Don Teodulo), Violeta Cela (Vicenta), Diana Peñalver (Paquita), Lucas Martín (Jesús), Pedro Reyes (Pascual).

Logo após a guerra, Manolo Morales, 15 anos, e seu irmão Jesus, 10, são enviados de Madrid para um centro de prevenção anti-tuberculose na Extramadura para crianças menores de 12 anos, onde Manolo é admitido como irmão de um tenente do exército vencedor.

Durante a viagem, Manolo torna-se amigo de Pascual, o assistente do seu irmão Pepe, que o instrui sobre os segredos do amor no autocarro, testemunhando-o a masturbar-se com os dedos dos pés para outro passageiro.

O abrigo é dirigido por meninas da Seção de Mulheres que realizam serviços sociais, com Irene no comando.

Manolo nota Vicenta, uma enfermeira, que dorme num quarto ao lado do quarto das crianças, separada apenas por vidros e cortinas que permitem um vislumbre do corpo da menina enquanto ela se despe, o que fará com que Manolo acabe masturbando-se todas as noites.

Manolo vive uma vida à parte das outras crianças até que Dona Tránsito, a professora, insiste que ele vá à aula, o que acabará causando um conflito quando confrontar a professora por defender seu irmão, de modo que ele é mandado de volta para estudar sozinho.

Ele encontra um amigo e um professor em Emílio, o zelador e marido de Rafaela, o cozinheiro, um homem liberal que passou algum tempo em Paris às custas de uma mulher e que lhe ensina as coisas que não podem ser lidas nos livros, introduzindo-o também na bebida.

Na biblioteca ele mostra o microscópio a Vicenta e Paquita, assistente de Rafaela, e, sem que elas saibam, mostra-lhes uma amostra de sêmen. Vicenta fica horrorizada quando descobre, de modo que naquela noite ela o obriga a rezar o “Eu Pecador” e, a pedido de Manolo, amarra-o para evitar que ele se masturbe.

A pedido de sua mãe, Vicenta deixou o hospital e foi substituída por Maria Jesus, sobrinha do padre local, Dom Teodulo, e Manolo imediatamente se apaixonou por ela. E quando ela diz a Emilio que não pode estudar e que já não se masturba e escreve poesia, ele percebe que ela se apaixonou e aconselha-a a propor-se.

Ele tem a coragem de lhe dar um beijo. Mas ela ameaça contar ao namorado, uma espécie de seta portuguesa, com quem ela se encontra um dia quando organizam uma refeição no campo.

Emílio ensina-a a dançar e obriga-a a fazê-lo com Maria Jesus, que confessa que o português não é seu namorado. Mas quando ela os vê dançando, a Sra. Tránsito vê o início da luxúria, e a partir desse momento ela vai ficar de olho neles, mas eles vão passar o máximo de tempo possível juntos, até que Irene finalmente os surpreende juntos e manda a Sra. Jesus embora avise Pepe para ir buscar seu irmão, embora primeiro ela vá ver Manolo para repreendê-lo pelo que aconteceu, embora ele acabe caindo nos braços dela.

Os dois rapazes vão se encontrar na floresta, onde ela lhe diz que seu tio, que na verdade é seu pai, lhe bateu e propõe um plano para poderem continuar juntos: ter um filho.

Mas fazer amor não vai ajudá-los, porque no dia seguinte Pepe leva Manolo embora, sem Irene, envergonhado, ousando sair para vê-los, correndo para Maria Jesus quando ela passa pela cidade. Os dois jovens vão se abraçar, chorando, e devem ser separados pela força.

Manolo até pensa em matar seu irmão com a arma de Pascual, mas Pepe acorda então e pensa que o que ele estava tentando fazer era cometer suicídio por causa do seu caso amoroso.

Classificação: 4

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad