Revisão de ‘A Noiva’: Quando o verso supera a prosa

Paula Ortíz, a diretora aragonesa que eclipsou o público com sua ópera de estréia ‘De tu ventana a la mía’ (2010), retorna ao cenário com uma versão particular e bem-sucedida do romance de Lorca.

Como disse o próprio Lorca: “Há coisas fechadas dentro das paredes que, se de repente saíssem e gritassem, encheriam o mundo”. Algo semelhante aconteceu com ‘A Noiva’, um filme de Paula Ortiz que conseguiu fazer com que o público saísse maravilhado com o universo de Lorca. A Noiva” é, antes de tudo, uma grande história de amor, uma das mais belas tragédias do imaginário espanhol, onde a paisagem hipnótica envolve alguns personagens fascinantes, dentro do universo mediterrâneo.

O tema principal deste grande drama é a vida e a morte. Mas de uma forma arcana e ancestral, em que há mitos, lendas e paisagens que introduzem o espectador num mundo de paixões sombrias que levam ao ciúme, à perseguição e ao trágico fim: a morte. O amor destaca-se como a única força que o pode superar.

O filme começa com grande força, apresentando-nos um velho personagem que recita uma série de frases que servem como veículo para nos transportar a este universo onde a paixão, o amor, a traição e a tragédia são os personagens principais.

Um dos pontos mais fortes, se não o mais forte, é o cuidado e atenção aos detalhes. É um filme que está cheio de simbolismo, por isso os detalhes não podem ser ignorados.

Outra qualidade a destacar seria a direcção artística e a fotografia: paisagens cheias de carga emocional muito bem captadas e o uso de câmara lenta em algumas cenas dão os toques finais; os figurinos e adereços são impressionantes, cuidados o suficiente para dizer.

Como mencionei antes, os simbolismos característicos de Lorca também são perfeitamente capturados: os cristais, a lua, a morte, a terra, a noite…

Quanto ao trabalho de representação, o elenco tem sido capaz de estar à altura e superar todas as minhas expectativas. Os personagens da Noiva e da Mãe devem ser destacados, pois fazem um trabalho excepcional fazendo você sentir o que eles sentem sentados na poltrona.

Os principais actores em ‘A Noiva‘ são Inma Cuesta, Asier Etxeandía, Álex García, Manuela Vellés, Consuelo Trujillo,Leticia Dolera, Carlos Álvarez Novoa e Luisa Gavasa.

Então, se você é um amante das obras de Lorca e quer ver uma adaptação muito boa de ‘Bodas de Sangre‘, não hesite em ir ao cinema assim que ele abrir. Altamente recomendado.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos y para mostrarte publicidad relacionada con sus preferencias en base a un perfil elaborado a partir de tus hábitos de navegación. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos.
Más información
Privacidad